Novidades Literárias #38 - Faro Editorial

Oi, Leitores!!!

Vamos de novidades da Faro Editorial?

A Devolvida || Donatella Di Pietrantonio || 160 páginas
Adicione no Skoob || Compre na Amazon

Considerado um dos grandes romances da Itália, onde vendeu mais de 250 mil exemplares, com direitos negociados para mais de 25 países, e adaptações no teatro e no cinema, a autora Donatella Di Pietrantonio traz uma história sensível e emocionante.
Aos 13 anos, uma garota é levada do lar abastado onde vive para uma casa estranha e com pessoas que dizem ser seus pais e irmãos.
Na pequena cidade italiana todos conhecem sua história: ela é a criança que os pais naturais, pobres e de família numerosa, “deram” a um parente que não podia ter filhos e que este a devolveu quando a menina frequentava o ensino médio, não por maldade, mas porque a vida pode ser mais complexa do que imaginamos e nos força a fazer escolhas dolorosas.
Ela era a devolvida. Sentia-se como uma estrangeira na nova casa e, desde então, a palavra “mãe” travara em sua garganta. Privada até de um adeus por aqueles que sempre acreditou serem seus pais, ela se vê incrédula ao enfrentar o sofrimento de ser abandonada novamente de forma repentina.
“Minha vida anterior me distinguiu, me isolou na nova família. Quando voltei, falava outra
língua e não sabia mais a quem pertencia”. Forçada a crescer para reintegrar-se ao seu núcleo original, ela vive uma sensação de subtração, de gente esvaziada de significado, e nos ensina em meio à dor como encontrar sentido quando tudo parece desmoronar.

Mas não são novidades apenas deste ano, a Faro Editorial comprou os direitos do livro de estreia de uma das autoras promessas da nova geração de Young Adult, Cameron Lund. 


 O livro, que será lançado nos Estados Unidos em abril de 2020 pela Penguin Teen, conta a história de Keely Collins, uma típica garota comum no último ano do Ensino Médio, que decide viver tudo o que não fez durante sua vida escolar agora, antes de entrar na faculdade. Afinal, ela não quer ser a única virgem de 18 anos da cidade. Como ela já conhece todos os garotos do colégio, e imaginar transar com caras que você cresceu vendo comer giz no jardim de infância está fora de questão, ela decide que vai apostar todas as fichas no novado Dean, que tem tudo o que um crush precisa: é lindo, misterioso, está na faculdade e tem uma moto. Mas Keely sabe que ela precisa de mais conhecimentos para que Dean não desista dela, e é quando decide que seu melhor amigo Andrew vai ajudá-la. Agora eles dois só precisam continuar a ser amigos,apenas amigos.Uma deliciosa comédia romântica que vai agradar aos leitores de Meg Cabot e Jenny Han,mostrando um típico romance do Ensino Médio que fará os fãs suspirarem junto com Keely e suas aventuras amorosas. No Brasil o livro deve ser lançado no segundo semestre.


 E aí, curtiram?


Continue lendo

Resenha: À deriva - Irmãos Wood #2

Oi, Leitores!!

Meu primeiro contato com a escrita da Paola Scott aconteceu na antologia Para Você e já fiquei bem encantada com a escrita dela.

Logo depois iniciei a leitura desta trilogia com À distância e fiquei mais encantada ainda com a autora, em À deriva ela me envolveu já nos primeiros capítulos e agora não vejo a hora de encerrar a trilogia com a história do Vicent em À espreita.
Se você leu À distância, já sabe que Alexander saiu de casa quando adolescente e nunca mais voltou e neste livro teremos a oportunidade de conhecer a sua história.

Ele já tem mais de 30 anos e desde que saiu de casa vive sozinho, morou em algumas cidades e hoje instalou-se em Homer no Alasca. Ele é o capitão do Tessa Marie e sua especialidade é pesca de caranguejo. Ele está acostumado com a sua rotina de vida e a solidão não lhe incomoda de forma alguma.
Está aí algo que a maturidade me trouxe. A arte de pensar antes de agir. Acho que é uma das coisas que só a experiência nos proporciona. Aos poucos, a vida vai nos ensinando a ser forte, a vencer desafios, a encarar os medos e as vergonhas. Acho que foi esta última que me fez fugir de casa.
Violet acabou de se mudar para Homer e, como Alexander, vive sozinha e isso despertou a curiosidade das pessoas da cidade, bem aquela coisa de cidade pequena que todo mundo se conhece e quer saber das novidades. Ela encantou as pessoas com a sua vez e ganhou um apelido especial, isso acaba chamando atenção até daqueles que não são curiosos. Além disso, ela é discreta e pouco fala sobre si mesma.
- Não me senti parte de nenhuma cultura pela qual passei. É como se eu estivesse sempre perdida, extraviada, à procura de um rumo.
Os caminhos deste dois se cruzaram, cada um por uma razão completamente diferente, prefere viver na solidão, mas sempre tem aquele momento que a vida coloca alguém ou alguma situação que nos faz refletir sobre nossas escolhas e o rumo que temos tomado.

O romance entre eles acontece da forma que eu mais amo, aos poucos, de forma natural e com aquele momento onde não tem mais como fugir. É linda a forma como eles se conectam, se tornam íntimos e cúmplices. Outra coisa que adoro, é a forma como a Paola escreve as cenas de sexo, cara, ela se superou nesse livro. Não é sexo por sexo, tudo com muito contexto e com amor envolvido.

O momento de confrontar o passado chega para todos, os segredos de ambos serão revelados aos poucos e teremos reviravoltas inesperadas. E este mistério envolta do passado deles, foi algo que me envolveu e fiquei feliz de não ser apenas o romance deles, mas também fatos e situações da vida de cada um deles. E aqui encontramos atitudes e posturas que sempre queremos encontrar nos nossos parceiros, se esses dois fossem de verdade, certeza que eu ia querer abraça-los demais!!!

Só digo a vocês, Paola terminou de ganhar meu coração e com certeza ganhou uma leitora pro seu time!

Alexander Wood, filho mais velho do senhor Richard Wood, sempre fui considerado a ovelha desgarrada da família, aquele que não dava satisfações. Sair de casa ainda adolescente, sem concluir os estudos e sem enviar notícias do meu paradeiro, sem dúvida alguma confirmava aquela impressão.
Descobrir que o mar era a minha paixão, fazendo dele o meu sustento, só aconteceu depois de aventurar-me em muitos ofícios.
Pescar certamente era solitário, mas combinava com a minha alma introspectiva. Para quebrar o breve exílio em alto mar, eu mantinha uma mulher em cada porto. E foi em um desses intervalos que eu a vi.
Como uma sereia que encanta os pescadores com sua beleza e canto, Violet me fisgou sem esforço algum. Sua repentina aparição naquela pequena aldeia levantou suspeita. Misteriosa e reflexiva, ela parecia não se importar com os boatos que corriam de boca em boca.
Sua única apreensão? Que eu não retornasse para ela. Fato que minha alma aventureira não permitia lhe assegurar. E ainda que pudesse, como me decidir entre duas paixões?
Lido em: Setembro de 2019
Título: À deriva - Irmãos Wood #2
Autora: Paola Scott
Editora: The Gift Box
Gênero: Romance
Ano: 2019
Páginas: 288
Adicione no Skoob | Compre: Amazon
Compre: The Gift Box (use o cupom 3leitoras_15)
*Livro cedido pela Editora em parceria*
Continue lendo

Resenha: Namorado por acaso

Oi, Leitores!!!

Acho que todos vocês já sabem da minha admiração pela Aline Sant'Ana, ela é uma das poucas autoras do gênero erótico que ainda leio, pois a forma como ela compõe seus personagens e como insere as cenas calientes em meio a todo drama é incrível. 
Assim que eu conheci Hugo De La Vega pensei: "bonitinho, mas ordinário", mas logo este magnífico advogado, que é metade espanhol e metade americano, me provou o quanto eu estava errada. Só que não era para mim que ele precisava provar algo e sim para Victória, a sua vizinha de corredor no hotel onde estava hospedado.

O irmão mais novo de Hugo irá casar, uma bela despedida de solteiro rola, Hugo se afoga na bebida, acorda com um belo esquecimento sobre o que aconteceu naquela noite até perceber que cometeu um grande erro e quem o salva é justamente a sua vizinha de quarto de hotel, que mesmo o achando um grande safado, ela o ajuda, mas também o enche de desaforos.

Nenhum dos dois pensa na possibilidade de se encontrarem, mas acaba que um mal entendido os une mais uma vez e é através dele que Vick acaba virando a namorada de mentira do Hugo. Aí me contem, vocês acham que eles sairão ilesos desse acordo?

A farsa começa, mas sinceramente, não acreditei nem um pouco nisso, pois desde o primeiro minuto que se encontraram a atração física estava presente, a cada conversa para se conhecerem minimamente, fui percebendo uma conexão entre eles e daí para uma paixão não faltava muito!

As coisas não são tão simples para eles, muitas coisas estão em jogo e precisam ser decididas antes de decidir se ficariam juntos ou não.

Aline nos oferece uma história envolvente, com personagens maduros e determinados, com algumas pequenas reviravoltas, sem grandes dramas, mas nem por isso menos envolvente. Fui totalmente arrebatada pela intensidade do Hugo e pelo bom humor da Vick, além disso os personagens secundários são marcantes e fundamentais para o desenrolar da história. Confesso que queria ter todos os personagens deste livro como meus amigos, eles são daqueles que queremos colocar dentro de um potinho. 

Namorado por acaso nos oferece romance, cenas com muita pegada, amizade, companheirismo e diversão. Uma leitura perfeita para as românticas!! 

Aviso importante: você nunca mais verá a cor vermelha da mesma forma.


Contra fatos, não há argumentos.
Prova 1: Despedidas de solteiro são a porta de entrada para o inferno.
Prova 2: Uma boa dose de esquecimento depois da farra complicou ainda mais a minha situação.
Prova 3: Uma vizinha de porta de hotel, linda e louca, viu e ouviu tudo o que eu fiz na noite anterior. E, acredite, eu fiz muita merda.
Resultado: Eu estava condenado.
Só que sou advogado, entende? E, assim que a linda vizinha me mostrou que acreditava piamente que eu era a pior espécie de homem que pisou na face da Terra, precisei fazer alguma coisa para que entendesse que nem tudo era o que parecia.
Verdades ditas e uma proposta mais tarde... Bem, acho que agora posso me apresentar.
Prazer, eu sou o Hugo De La Vega, e vou te mostrar como um mal-entendido pode se tornar as melhores férias de nossas vidas.

Lido em: Setembro de 2019
Título: Namorado por acaso
Autora: Aline de Sant'Ana
Editora: Charme
Gênero: Romance/Erótico
Ano: 2019
Páginas: 365
Adicione no Skoob | Compre: Amazon
*Livro cedido pela Editora em parceria*
Continue lendo

Resenha: O dia em que te amei - Deusas de Londres #1

Oi, Leitores!!!

Hoje é dia d romance de época e vim falar sobre O dia em que te amei, livro do clube da The Gift Box, em Salvador, no mês de agosto.

Essa foi a primeira vez que li um livro da Paula e quero contar a vocês tudo o que eu achei.
Helena já está passando da idade de casar, ela acredita que tudo isso é devido ao fato de ser meio destrambelhada e por isso não atende as expectativas da sociedade e consequentemente dos seus pretendentes.

George, o Duque de Misternham, passou muito tempo distante de Londres em busca de sua irmã desaparecida. Agora, ele está decidido a se casar, mas para isso precisa encontrar a noiva perfeita para os seus planos. Então, ao entrar naquele baile, não acreditou quando viu Helena, ela era perfeita para os seus propósitos.

A última coisa que ele procurava era uma dama perfeita, seu desejo de vingança só fazia com que ele buscasse a dama mais imprópria para estar ao seu lado. Helena estranhou esse pedido de casamento, mais ainda a rapidez com a qual ele se realizou, mas antes mesmo de casar já sabia que não foi a sua beleza que conquistou o Duque, mas sim as suas vergonhas.

Cada um tinha os seus desejos e vontades e na busca insana de ambos, muitas coisas irão acontecer. A linha tênue que separa o ódio e o amor se partirá, os sentimentos irão se transformar e tanto Helena quanto George irão se surpreender com todas as emoções que serão despertadas entre eles.
Nesse instante, soube que meus planos tinham fracassado, que era um caminho sem volta e que seria incapaz de abandonar essa mulher. 
Gostei do desenrolar da história, da ousadia da Helena, mas não consegui me conectar ao casal e amá-los. A escrita da Paula é super gostosa, mas senti falta da formalidade da época nos diálogos entre os personagens. Uma coisa que eu amei demais, foi o fato de a Paula retratar de forma crua e real como as mulheres eram tratadas como uma propriedade dos homens, seja ele o seu pai ou marido, não irei dar detalhes sobre isso para não tirar a graça para quem ainda não leu essa história.

O segundo livro da série acabou de ser lançado e se chama O dia em que te toquei, o casal desta história são personagens com papel importante no primeiro livro e estou bem curiosa pela história dele. 

Algumas coisas estão escritas para acontecer e por mais que se esquive, os olhares se cruzam, os sorrisos se tocam e mesmo que o coração não saiba naquele instante, o dia para se amar está marcado para acontecer.” Quando o Duque de Misternham entrou em um salão de baile no seu regresso em Londres, depois de anos ausente viajando em busca de sua irmã desaparecida, estava disposto a encontrar uma noiva, mas sua única exigência era que essa fosse a dama mais imprópria da sociedade. Não procurava amor, buscava vingança e a encontrou na forma de uma gargalhada.
Tudo nela era impróprio. Tudo nela ultrajava a mais alta classe social. Da sua gargalhada até os seus dedos dos pés. Já na sua terceira temporada, Helena não compreendia porque o homem mais desejado de Londres pediria alguém como ela em casamento e iria descobrir isso da pior forma possível.
George esperava vingança, Helena colecionava vergonhas e juntos seriam o maior escândalo de Londres. O que nenhum dos dois esperavam era o que o destino desse casamento oportuno e destruidor poderia reservar para os dois.
Lido em: Agosto de 2019
Título: O dia em que te amei - Deusas de Londres #1 
Autora: Paula Toyneti Benalia
Editora: The Gift Box
Gênero: Romance
Ano: 2018
Páginas: 234
Adicione no Skoob | Compre: Amazon
Compre: The Gift Box (use o cupom 3leitoras_15)
*Livro cedido pela Editora em parceria*
Continue lendo

Resenha: Onde mora o coração

Oi, Leitores!!!

Hoje é dia de falarmos de um livro mega amorzinho, com história que aquece nosso coração e nos faz ficar com um sorriso bobo no rosto.

Onde mora o coração é uma leitura leve, divertida, cheia de emoções e mensagens sutis para reflexão. Um livro perfeito para a leitura em um dia frio, bem acompanhada por um cobertor quentinho e a bebida que você mais gosta.
Willa Davis me conquistou logo nas primeiras páginas, ela é o tipo de pessoa do bem, aquela que todos querem ter ao lado e por quem torcemos infinitamente. Mesmo não tendo um passado dos melhores, ao invés de reclamar e lamentar, ela lutou e conquistou muitas coisas. Seu pet shop é um sucesso, mas ela sente falta de um amor, alguém com quem compartilhar a vida.

Keane também não teve uma vida fácil, por mais que as pessoas pensem o contrário, e seu lema hoje é não criar laços e vínculos, assim ele evita mais e mais desilusões. Mas a vida é daquelas engraçadinhas e uma tia distante aparece em sua vida, pedindo que ele cuide de sua gatinha Petúnia, a Pê para os íntimos.

Enlouquecido com a gatinha e desesperado por uma ajuda, Keane acaba parando no pet shop da Willa, mas isso para mim foi só o destino agindo. Logo percebemos que ele não é um desconhecido para ela, Keane já machucou o seu coração e nem se lembra disso, mas nem por isso Willa deixa de ajudá-lo.

Em meio aos pedidos de socorro com relação a Petúnia, Keane aos poucos vai entrando na vida de Willa, tudo acontece de forma natural, mas quando ambos se dão conta do que está acontecendo, acabam fazendo escolhas tronchas, magoam um ao outro, mas mesmo assim não conseguem se desconectar. E é aqui que amigos entram em ação, tentando mostrar o quanto eles são tontos e não estão percebendo o que está escancarado na carinha deles.
Quando percebeu que Keane não tentaria segui-la, sentiu-se aliviada, mas também desapontada. Na verdade, ela não sabia dizer qual dos dois sentimentos eram mais intensos.
Por muitas vezes, durante a leitura, me vi na Willa. Compreendo totalmente os seus sentimentos ee acho que justamente por isso, me apeguei tanto a história. Aí para completar o pacote, temos o Keane, um dos personagens mais incríveis que li nos últimos tempos, talvez por ele ter muito do que admiro no ser humano.

A conexão entre Willa e Keane e a que existe entre eles e todos os personagens secundários deste livro, fazem com que a gente queira a história de cada um deles. (Torço demais por isso, tem uns casais ali que me deixaram bem curiosa!).

O que achei interessante foi a forma como a autora fez com que Willa e Keane se dessem conta dos seus sentimentos, mostrando as inseguranças e certezas que nos permeiam. Nós esperamos muito da vida, mas às vezes nada do que acontece é como esperávamos, pois o que esperamos às vezes é muito pouco e nem por isso deixamos de ser agraciados com o que realmente merecemos. E é justamente essa a lição que essa história deixou gravada no meu coração.    

Em meio a amigos e filhotinhos de seu pet shop, Willa Davis leva uma vida de enorme realização profissional. Mas falta algo: a seção de sua vida “relacionamentos amorosos” anda paralisada. E nada parece estar a caminho para mudar esse destino.
Keane também anda desiludido depois de muitos desencontros. Mas após receber a tarefa de cuidar da temperamental gata de sua tia-avó, ele procura uma especialista no assunto, e o destino joga suas cartas.
Ele não faz a mínima ideia de quem seja a proprietária da loja de animais, mas Willa sabe exatamente quem ele é… Alguém que no passado já partiu seu coração.
E nada é fácil quando se trata de duas pessoas que se fecharam para o amor.
Os amigos entram em ação. Mas tão diferentes? Tão improváveis? Será que Keane mudou? Será que Willa é capaz de perdoar?
Esta é uma história divertida sobre quais escolhas valem a pena e sobre como podemos evitar o olhar viciado que sabota as oportunidades...
e, também, sobre aceitar a sorte quando ela aparece.

Lido em: Agosto de 2019
Título: Onde mora o coração
Autora: Jill Shalvis
Editora: Faro Editorial
Gênero: Crônicas/Jovem Adulto/Romance/Nacional
Ano: 2019
Páginas: 304
Adicione no Skoob | Compre: Amazon 
*Livro cedido pela Editora em parceria*
Continue lendo