Resenha: Memórias da Lua Cheia



Oi leitores...

Estou de volta com mais uma resenha e desta vez vim falar sobre Memórias da Lua Cheia da Andressa Andrião.

Ela estava sem memória e sozinha, perdida em uma floresta durante uma noite de lua cheia, em que os lobos uivavam perigosamente. A única informação que tinha sobre si mesma estava em um bilhete borrado pela chuva que dizia que seu nome era Alissa. Quando jurara que se tornaria comida de lobos, ele aparece. Um rapaz que em seu primeiro momento parece ter vontade de matá-la, mas logo em seguida resolve misteriosamente salvar sua vida e cuidar dela até que alguém apareça em sua procura. Por mais que ela tivesse expectativas, ninguém nota seu desaparecimento, levando-a a ter que morar com aquele rapaz repleto de segredos, que ela conhece na floresta. Com o tempo um romance começa a surgir entre eles, mas ainda havia um mistério: um homem enigmático e atraente que desenvolve um interesse imediato por ela. Alissa então descobre que sua perda de memória não era exatamente o que ela imaginava e que o mundo era muito mais cheio de mistérios e magia do que ela acreditava ser.

Quando vi esse livro, de cara me apaixonei pela capa. Que só me fez ficar super curiosa para ler a sinopse e após a leitura eu era pura curiosidade. 

Iniciada a leitura, a primeira coisa que me chamou a atenção foi a escrita da autora, mesmo tão jovem ela escreve de forma simples, concisa, direta... Mas sem enrolação, nos permitindo viajar nos detalhes e desenhar todas as cenas em nossa mente. Acho isso incrível...!!

Toda a história gira em torno de Alissa, que em uma noite de lua cheia acorda no meio de uma floresta e pior, ela não sabe quem é ela... estava sem memória e correndo o risco de ser atacada pelos lobos.

Ela não sabia nem o próprio nome, mas encontrou um bilhete em um dos bolsos da sua roupa.

Sei que pode parecer confuso,mas se estiver lendo isso agora,é porque perdeu sua memória. Saiba que seu nome é Alissa e você...

Nesse momento não dava para pensar em muita coisa, ela precisava fugir, tinha lobos naquela floresta e ela sentia que precisava viver, não era apenas o instinto de sobrevivência.

E é nesta fuga que Alissa encontra com Seth Miller, quando ela achava que tudo estava acabado ele apareceu... Mas inicialmente ela teve muito medo dele, porém essa sensação passou, com todo seu encanto e cuidado, ele cuidou da Alissa, lhe deu um abrigo e prometeu fazer de tudo para ajudá-la a recuperar sua memória ou encontrar a sua família. 

'Um rapaz, que aparentava ter mais ou menos dezenove anos, me salvou de lobos de pelagem negra e me levou para sua casa, tratando-me tão bem quanto poderia tratar sua irmã. Ele era misterioso e gentil... Tinha olhos lindos como um anjo.'
Aos cuidados de Seth, Alissa tem a oportunidade de conhecer seus amigos: Lidi, Clarice, Jarred e John. E também outras pessoas da cidade como Scorpio, Dr. Christopher, Diana... 

A narrativa do livro é toda sob a visão da Alissa e é encantador a forma como ela nos apresenta cada um dos personagens, tanto fisicamente quanto a personalidade de cada um deles, a intensidade com a qual 

Quem mais ajuda Seth a cuidar de Alissa é a Lidi, uma mulher forte e extremamente marcante. É através dela que ela se aproxima do Jarred, ele tentará ajudá-la a recuperar a sua memória, mas por mais esforços que ele faça, a primeira pessoa que consegue fazer Alissa ter uma lembrança é Scorpio, o homem mais poderoso da cidade e que desde que a viu pela primeira vez, desenvolveu uma certa obsessão pela garota. Fato que incomoda Seth profundamente, já que os dois se odeiam.

Nesse meio tempo, Seth e Alissa percebem que o sentimento deles tem ido além das barreiras da amizade e é neste momento que todos os conflitos e descobertas sobre ambos começa a acontecer.

E no meio destas descobertas, Alissa percebe que a sua perda de memória está envolvida em um grande mistério. Além disso, percebemos que estamos envoltos em um mundo fantástico onde lobisomens, vampiros e feiticeiros existem.

Alissa se vê totalmente dividida entre seu amor por Seth e a necessidade de descobrir a sua história e cumprir a sua missão. E nesse momento ela se torna irritante, acho que nem ela mesmo se suporta rsrsrs Mas acho que essa irritação é totalmente necessária.

Os fatos vão se desenvolvendo e a cada capítulo eu ficava com pensamentos do tipo "O que? Será que vai acontecer o que eu estou pensando?", "PQP, não acredito que ela fez isso", "Mas por que, Andressa???". Meu Deus, tinha momentos que eu ficava extremamente hilária, principalmente quando me fazia essas perguntas, em voz alta, dentro do ônibus coletivo. Hahahahahaahha Baiana Loucaaaaa!

Mas voltando....

A autora nos oferece um final sem ser final, tenho certeza que ela nos presenteará com uma série de livros magníficos, temos muitos personagens e muitos mistérios a serem resolvidos. Aí você deve estar pensando "Que saco, preciso ler outros...", na verdade nós temos um final sem fim, um final que nos permite divagar por diversas possibilidades, mas uma coisa é certa, teremos muitas respostas, basta prestarmos atenção.

Eu super recomendo a leitura, principalmente se você for daqueles que adora fatos sobrenaturais, fantasia, mistério e amor... Uma mistura incrível e que te farar ler mais de 500 páginas sem nem perceber.

Beijos e até mais!! :)

Encontre-me

Posts relacionados

4 comentários

  1. Respostas
    1. Oi, Camila!!! Obrigada pelos elogios e pela sua visita!!! :)

      Excluir
  2. Amei a resenha!!! E essa capa é BAPHO, amiga!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, amiga!!!! Essa capa é BAPHO mesmo! E a história é muitooo legal tb!

      Excluir