Resenha: Um Caso Perdido


Olá leitores,

O que falar de um livro que estava na minha estante um tempo, mesmo as pessoas falando tão bem dele, e ele lá, sem ser aberto para uma leitura??? Hummm tô com raiva de mim por não tê-lo pego antes!! Porque não o li logo quando comprei? Faço-me essa pergunta até agora rsrs

Comecei a ler e contei para uma amiga muito querida que ama esse livro, outra amiga em comum começou ler também e nós três sempre falando o que achávamos enquanto estávamos lendo, foi uma experiência única que tive compartilhando entre minhas amigas Mari Ramos e Boo Nina.


Lido em: Fevereiro de 2015                                                
Título: Um Caso Perdido                        
Autora: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Gênero: Romance/Nacional
Ano: 2014
Páginas: 384

Sinopse: Um Caso Perdido - Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras...
Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.


Um Caso Perdido é o primeiro de uma série, que eu prefiro, queridas leitoras, manter o título original Hopeless (quem leu vai entender e você que não leu, não perca tempo e leia logo rs), que me surpreendeu e superou minhas expectativas. É um romance, mas nada convencional, os personagens principais são dois adolescentes, mas não deve ser considerado um enredo bobinho.

Escrito em primeira pessoa, na visão da garota que se chama Sky, a autora alterna os capítulos entre o presente e o passado, como se fosse um quebra cabeça, para juntarmos e entender que tudo que parece ser, pode não ser. Sky é adotada por Karen há 15 anos e esta a priva de qualquer acesso à tecnologia: não tem televisão, internet, celular e nem a escola a menina frequenta, estuda em casa. 

Até que com 17 anos, consegue convencer a mãe que estude em uma escola convencional da cidade, onde sua melhor amiga e vizinha, Six, estuda também. Mas Six resolve fazer um intercâmbio de 6 meses e deixa Sky sozinha, para lidar com a fama que as duas tem pela cidade como “piranhas”. A realidade que os garotos até entram pela janela do quarto de Sky, mas ela nunca deixou passar dos beijos, porque ela não consegue sentir nada pelos garotos, até conhecer Dean Holder.

Holder é um garoto intenso, temperamento forte e misterioso, que acabou de voltar para a escola depois de um ano afastado. O que Sky não imaginava era ter sensações que nunca tinha sentido antes. Tudo mudou em sua vida a partir do momento que viu Holder em um mercado. Ele também sente essa relação por ela e começa a se aproximar.

- Vou lhe avisar uma coisa – diz ele baixinho. – Assim que meus lábios encostarem nos seus, vai ser, sim, seu primeiro beijo. Porque, se nunca sentiu nada enquanto alguém a beijava, então ninguém jamais a beijou de verdade. Não da maneira como eu planejo beijá-la.

A partir do momento que Holder entra na vida de Sky o desenrolar da história começa a ficar mais intenso e as pistas ficam mais difíceis de encarar. O tema é um pouco pesado, mas mesmo assim ficamos presos e queremos saber o desenrolar da história. Sky tem que enfrentar os fantasmas do passado, muitas vezes pensei que ela não fosse conseguir, mas a garota forte que tem dentro dela enfrenta os dilemas que uma garotinha no passado que chorou muitas vezes pela situação que passava e se tornou uma garota determinada.


Posts relacionados

8 comentários

  1. Amei a resenha Daya, precisamos ler a continuação, temos que encarar. Como será enfrentar mais uma vez as emoções com Holder, Sky?
    Abç,
    Boo Nina
    rascunhocomcafé.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boo Nina, temos que ler mesmo, Mari vai cobrar rsrs
      Está como meta para abril, vamos encarar heim?!?!
      beijos

      Excluir
  2. Leia logo a continuação, a história pelo ponto de vista do Holder é tão avassaladora quando a da Sky.
    beijos

    www.wonderbooksdaalice.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alice Lima, obrigada pelo comentário vou ler sim!!

      Excluir
  3. Eu sou fã dessa autora. O primeiro livro dela que li foi Métrica (sim, eu sei que é uma trilogia e claro que li a trilogia inteira.rs.).
    Um caso perdido é o meu livro favorito de todos os que ela já escreveu. A versão do Holder também é muito boa e vale a pena ser lida, mas o "grande choque" aconteceu mesmo na versão inicial... o resto acaba sendo apenas informação extra para nos deixar ainda mais a par de tudo que se passava pela mente dele.

    ResponderExcluir