Opinião - O Duque e Eu - Os Bridgertons #1


Oi, minha gente! Estou tão feliz de estar aqui hoje.


Alguém tem ideia do motivo? Eu digo! Eu li um livro de época!

UHuuuuuuuuulll!!!!!

Sério gente, estou feliz por este acontecimento. Tinha um bloqueio, na verdade um certo receio em ler livros de época, pois tinha certeza de que não iria gostar, essa era uma ideia fixa.

Ok, ok... É uma ideia sem lógica,  aliás, era.
Aproveitei o feriado pra devorar a série Os Bridgertons, que totalizam em 8 livros, contando a história de cada um dos filhos.

O primeiro livro já foi resenhado aqui no blog, mas como eu vou dar continuidade na série, achei importante, deixar aqui, mesmo que seja uma pequena opinião sobre o livro. Para quem nunca leu livros de época eu mais que recomendo a série os Bridgertons, pois ela é diferente do que eu pensava. Não é uma leitura difícil, com diálogos complicados e palavras desconhecidas.

Então vamos lá!

O legal de ler esse livro foi que eu aprendi algumas coisas...
Como: em Londres existem as "temporadas", que é um período onde ocorrem diversas festas/bailes onde as moças solteiras procuram maridos e tive a impressão que é só isso que o povo fazia naquela época, na verdade eu tive certeza ao conhecer a Sra. Lady Bridgestone, Violet Bridgeston, mãe de oito lindos filhos, quase idênticos.

Anthony, Benedict, Colin, Daphne, Eloise, Francesca, Gregory e Hyacinth. 

(notem que a escadinha foi batizada em ordem alfabética)
Idades respectivas de cada personagem neste primeiro livro. 
Opinião: Somos apresentados a um pequeno Simon, um menino ainda. Na verdade acompanhamos seu nascimento, e o falecimento de sua mãe horas depois de dar a luz. Foi rejeitado pelo pai e criado longe do mesmo. Sempre era tratado como um burro. E mesmo sendo criado a distância de seu pai, tornou-se um perfeito homem, herdeiro único, tornando-se, o duque de Hastings.

Logo somos apresentadas a primeira filha mulher, quarta filha dentre todos: Srta. Daphne. Diferente daquelas mocinhas mimadinhas a procura de um bom partido para casar, está farta de sua mãe apresenta-la a todos os solteiros da temporada. Daphne quer sim se casar, mas com alguém que ela ame, e não simplesmente com um homem solteiro. Daphne é um mulher inteligente acima de qualquer coisa. Linda também, é claro!

Após conhecer Simon, ambos bolam um plano infalível para: 1) evitar os "oferecimentos" de sua mão as bons partidos solteiros, 2) ao mesmo tempo atrair os solteiros (meio estranho né, mas como disse, ela é inteligente) e 3) ajudar Simon a não ser apresentado as solteironas da temporada, afinal ele não deseja constituir uma família.

Tudo isso como?

Simon deveria demostrar interesse em se casar com Daphne.

O Plano já começa a "desandar" quando Anthony não gosta nadinha da novidade, por conhecer Simon muito bem. Então são obrigados a contar o plano pra ele. Se ele aprovou? Claro que não. Ficou mais indignado ainda. Mas assentiu, ficando como um cão de guarda com os dois, claro



E ele - disse Anthony de forma ameaçadora - vai acabar sendo atirado pela janela se não calar a boca. - Sempre suspeitei que os homens fossem todos uns idiotas - resmungou Daphne - mas nunca tive certeza. até hoje.

Julia Quinn acaba de ganhar mais uma fã. Tão rápido assim? Claro! A história é mais que envolvente... É contagiante. Não apenas com os personagens principais, mas como todos os irmãos. É inevitável não ficar imaginando o futuro deles. No primeiro livro você já está "amarrada" aos próximos.

Nem preciso dizer que indico esse livro. Indico mais ainda pra quem nunca leu, esse será um belo começo. Indico para quem está cansada de livro clichê de CEO, hots, mocinhas cheias de mimi... Tô apaixonada!!!

Resumo da ópera: esse livro entrou para os favoritos.

Mais um livro lido do meu #DesafioLiterário2015.
Categoria -  Um livro que passa em um país diferente.... INGLATERRA - Londres!




Lido em: Setembro de 2015 (em 18 horas)
Título: O Duque e eu
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de época
Ano: 2013 - 1º Edição
Páginas: 288

PS: Tenho que agradecer a minha amiga Fernanda Aragão do blog Cinco Garotas Exemplares por insistir... Na verdade quase me obrigar a ler. Então tenho que admitir: Puxão de orelha válido. E sim... Tô viciadaaaaaaaaaaaaaaa!



Espero que tenham gostado 
e convido a acompanhar os demais livros. 
Beijo e até breve!






Encontre-me

Posts relacionados

6 comentários

  1. e posso falar? só tende a melhorar
    esse livro é o meu xodó!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. e posso falar? só tende a melhorar
    esse livro é o meu xodó!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Como to feliz que vc amou a historia!!! Romance de época é tudo de bom 😍 adorei sua resenha... 😊 esperando o comentário dos próximos!!! Aventure-se!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais que ameii... quero todos os irmão e agregados kkkk
      Agora eu que tenho que fazer vc ler o cap 17 do livro 6
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      quem diria heim kkkkkk

      Excluir
  4. Simplesmente a melhor série que já li no gênero romance de época. No geral, ela está empatada com Os Heróis do Olimpo, uma série de 5 livros, do glorioso Rick Riordan, porém, seu gênero é aventura. Super recomendo ambas, são perfeitaaaaaas.

    ResponderExcluir