Resenha: O Lado Feio do Amor #NovembroAzul #LivroAzul



Oi, Leitores!!!!
Vamos pra mais uma incrível história de Collen Hoover! 
Essa mulher tem o dom! 


Lido em: Novembro de 2015
Título: O Lado Feio do Amor
Autor: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Gênero: Romance/Jovem Adulto
Ano: 2015
Páginas: 336

Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

'Não pergunte sobre meu passado,' ele diz firme. 'E nunca espere por um futuro.'
Miles

Tate Collins é uma jovem de 23 anos, estudante de enfermagem, que se muda para o apartamento do irmão, Corbin, uma vez que irá iniciar o mestrado na cidade onde ele vive. Seu irmão é um piloto de avião, assim como pai e avôs dos dois haviam sido.

Tate chega no apê de Corbin, mas ele não está para recebe-la.

Então, imaginem a surpresa de Tate ao se deparar com um homem bêbado, mas tão bêbado que está desmaiado na porta do seu novo apartamento.

O bêbado em questão é Miles Archer, vizinho de frente, grande amigo de Corbin, que também é piloto. Esse primeiro encontro, é surreal pra não dizer, cômico, Mas que marcará a vida de Tate e Miles, que iniciam um romance puramente sexual, algumas semanas depois.

Miles Archer é um homem fechado que não quer sentir o amor, e há seis anos não tem um relacionamento amoroso com uma mulher. SEIS ANOS, GENTE... ISSO MESMO. Mas isso muda a partir do dia em que Tate Collins aparece em sua vida. Os dois fazem um acordo de que seu relacionamento só se baseará no sexo ,sendo que Miles impõe duas regras: Não me pergunte sobre o passado e não espere de mim um futuro. E assim os personagens entram nesse relacionamento,no qual o sexo é o único objetivo.

Tenho que confessar que no começo do livro pensei "visshhhh que chatinho..." até dei uma pausa na leitura (mas não por conta do livro, foi por não estar na vaibe de ler). O livro tinha tudo para ser simplesmente mais um livro comum e sem sal, com personagens que tem problemas e que precisam supera-los... Até o velho clichê sem graça, mas estamos falando de Joseph Climber ... Brincadeira... Estamos falando da talentosa Collen, que consegue fazer com que a história não se torne chata e nem repetitiva e sim em algo emociante, tocante, agoniante e lindo!

A narração do livro é dividida entre passado e presente, o passado de Miles,o presente de Tate.
O que nos possibilita ver os dois lados de Miles, o de antes, o qual é muito apaixonado, e o de agora, no qual ele é super fechado e não quer saber do amor,só da parte física dele.







O feio do amor se torna você. Consome você. Faz você odiar tudo. Faz você perceber que mesmo todas as coisas bonitas dele não valem a pena. Sem as partes bonitas você nunca arriscaria se sentir assim. Você nunca se arriscaria a sentir o feio. Então você desiste. Você desiste de tudo.




A escrita de Colleen continua impecável, descritiva, bem amarrada e emocionante.

O final do livro é dramático, Lindo, profundo, lindo, perfeito, lindo e tocante. kkkkkkkk perceberam que gosto de enfatizar algumas coisas né!?

O recado foi dado com sucesso no final da leitura.... O titulo, inclusive, tem mais a ver com o que aconteceu com Miles, do que com o relacionamento deles.




O amor nem sempre é belo, Tate. Às vezes, você passa todo o seu tempo esperando que ele será, eventualmente, algo diferente. Algo melhor. Então, antes que você se dê conta, você está de volta ao ponto de partida, e você perdeu seu coração em algum lugar pelo caminho.





0 comentários :

Postar um comentário