Resenha: A voz do Arqueiro


Queridos leitores, começo dizendo que estou apaixonada... então vamos conversar? 

Lido em: Outubro de 2015
Título: A voz do Arqueiro #1 Série Signos do Amor
Autor: Mia Sheridan
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance
Ano: 2015
Páginas: 336


Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar.
Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde.
Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda.
Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.

Para mim faz todo o sentindo. Acho que amor é um conceito, e cada pessoa tem uma palavra única para descrever em que o sentimento se resume para ela. A minha palavra para o amor é Bree.



A Voz do Arqueiro é baseado na lenda de Sagitário, o primeiro volume da coleção "Signos do Amor".

Há uma referência à lenda que se explica no decorrer do livro, mas, basicamente, o protagonista e o Sagitário têm em comum a experiência da dor - física e psicológica.

Vamos conhecer a história de Bree Prescott e Archer Hale.

Bree é uma jovem que tenta lidar com o brusco assassinato do pai, ainda muito abalada sentimentalmente, faz com que ela queira fugir do mundo que vivia, decidindo assim começar uma vida nova, em um lugar diferente. Em Pelion, uma cidadezinha bem agradável, se adapta rapidamente, mas a mudança física, não desaparece com sua dor e pesadelos com o homem que destruiu sua família. 

Às vezes demorava várias horas para me livrar da tristeza, embora ela nunca me abandonasse por completo.
Logo ela conhece Archer, um rapaz estranho, mas que chama atenção de Bree.

Todos na cidade o evitam e dizem que ele é surdo-mudo, misterioso, por esses motivos todos o ignoram. Bree mostra-se uma pessoa bastante curiosa com a história do rapaz. Bree descobre que ele é, na verdade, apenas mudo por conta de um trauma, ele perdeu a voz na infância, em um acidente que ocasionou também a morte dos pais.

Bree sabe a língua de sinais porque seu pai era surdo-mudo. Ela conversa com Archer pela lingua de sinais (libras) mostra a ele que apesar de diferentes, eles podem ser iguais. Ele pode ser normal. Ele é normal!

Archer também tem seus traumas de infância, não teve uma vida nada fácil.

Alguns dias eu tinha a sensação de mal conseguir dar conta das minhas emoções. Acho que cada pessoa lida com o sofrimento de formas diferentes - a dor e a cura são tão individuais quanto as pessoas que as vivenciam.


O Archer....Ahhh, o Archer! Ele é o personagem lindo por fora e muito mais por dentro, doce, encantador, ingenuo.... E o ápice da minha paixão é por ele falar libras. Eu sempre desejei aprender Libras, mas a falta de vergonha na cara sempre, não deixou. Mas achei um curso online. Ahhh vou aperfeiçoar o meu alfabeto rs O amor do Archer e da Bree é lindo demais, e as cenas de sexo foram super bem colocadas, sem exageros e nada apelativas. Ou seja... sexo aqui é tratado como algo normal de um casal. O livro não é hot.

Mia Sheridan me conquistou com essa história de amor fora dos padrões e me encantou com a pureza desse casal. Ambos sofreram no passado e buscam conforto um no outro para seguir em frente. É impossível não se apaixonar por Archer e por sua história incrível e mais impossível ainda é não chorar em silêncio enquanto ele sinaliza 'eu te amo, Bree.'

A Editora Arqueiro começou a publicação no Brasil pelo 4° livro da série, mas acalmem-se, não interfere em nada a mudança da ordem...

Me perguntei após o final da leitura. Se o 4º livro é maravilhoso, acredito eu que toda a série seja perfeita.

Aguardemos os próximos capítulos!!


Até breve!

E por aquelas pessoas que são apaixonadas por música, segue a playlist do livro.

Sugestão da própria autora. clique AQUI



Gostaram da resenha,
espero que sim.. então não deixe de comentário... até a próxima!
Acompanhe essa serie!
beijos

Encontre-me

Posts relacionados

6 comentários

  1. lindooooooo....lindooooooo....lindooooooo....lindooooooo....lindooooooo....lindooooooo....
    TO APAIXONADA PELA RESENHA...
    necessito ler urgentemente

    ResponderExcluir
  2. eu ando tendo muita sorte, os livros que menos boto fé são os que mais tem me surpreendido da editora e este esta encabeçando a fila!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Wow, amei a resenha. Este livro está na lista para as próximas leituras e com certeza irei te procurar para desabafar. :*

    ResponderExcluir