Resenha: Neve na Primavera



Olá leitores,
Seattle, 1933. Vera Ray dá um beijo no pequeno Daniel e, mesmo contrariada, sai para trabalhar. Ela odeia o turno da noite, mas o emprego de camareira no hotel garante o sustento de seu filho.Na manhã seguinte, o dia 2 de maio, uma nevasca desaba sobre a cidade.Vera se apressa para chegar em casa antes de Daniel acordar, mas encontra vazia a cama do menino. O ursinho de pelúcia está jogado na rua, esquecido sobre a neve.Na Seattle do nosso tempo, a repórter Claire Aldridge é despertada por uma tempestade de neve fora de época. O dia é 2 de maio. Designada para escrever sobre esse fenômeno, que acontece pela segunda vez em setenta anos,Claire se interessa pelo caso do desaparecimento de Daniel Ray, que permanece sem solução, e promete a si mesma chegar à verdade. Ela descobrirá, também, que está mais próxima de Vera do que imaginava.


Neve na Primavera nos apresenta duas histórias intercaladas em tempos diferentes e os fatos se conectam de uma forma que é impossível encerrar uma capitulo e fazer uma pausa, porque a ansiedade para saber o que vai acontecer é tamanha, terminei a leitura em um dia.

É uma história superinteressante, cativante, recheada de mistérios, perdas, amor e esperança!


Ninguém falava sobre o passado. Ele foi cuidadosamente escondido, até encontrar a liberdade à força. Os segredos têm dessas: sempre encontram seu caminho. Mesmo que leve uma vida toda!



Meu primeiro contato com a autora Sarah Jio foi com o livro Violetas de Março e gostei tanto da escrita que fiquei aguardando ansiosa o seu próximo livro!


Às vezes você tem que se arriscar, principalmente quando isso o faz feliz...


Quero destacar um ponto em Neve na Primavera, a autora faz uma referência a uma personagem do livro anterior (Emily Wilson), e adorei essa ligação, pareceu que estava conhecendo outras pessoas da vida de Emily! Isso foi o máximo!!! 

Recomendo a leitura por ser rápida e emocionante e quando você começar não vai mais querer largar até saber o que aconteceu com Daniel, seu Pai Charles e o que acontecerá na vida de Claire!!!





Meu coração bateu no peito com tanta intensidade que silenciou o som dos homens ocupados com brigas e socos no andar de baixo...
           


               

Ao final do livro, Sarah Jio conta que uma música escutada no carro foi a inspiração para escrever este livro, o nome da canção é Blackberry Winter, de Hilary Kole, que acabou sendo o título original da obra!








Ouça aqui





Lido em: Fevereiro de 2016
Título: Neve na Primavera
Autor: Sarah Jio
Editora: Novo Conceito
Gênero: Romance
Ano: 2015
Páginas: 336


0 comentários :

Postar um comentário