Resenha: After – Depois da promessa #5



Olá, Leitoras!!!


Seu pedido de casamento me magoou muito. Ele tem me negado a chance de pensar em casamento desde o começo do nosso relacionamento, mas depois tocou no assunto duas vezes, e nas duas queria alguma coisa em troca. (...) Como sempre. Ele só tem feito promessas vazias desde que nos conhecemos, e a única coisa pior do que estar com alguém que não acredita em casamento é estar com alguém que se casaria comigo apenas para ter uma vitória momentânea, não por realmente querer ser meu marido.

Você agora deve estar se perguntando o que será do futuro de Hardin e Tessa, certo? Pois então, prepare-se, principalmente se você torce por mais um final feliz.




Desde o último encontro dos dois em Londres a vida não foi mais a mesma. Desde então um pai sai de suas vidas e outros dois tentam conquistar o seu lugar. Uma mãe surge e um filho vai embora. Tanto Tessa quanto Hardin têm seus destinos abalados e eles saem definitivamente de cena: amor X vício. Quem vai vencer essa aposta?

O Depois nos revela mais do mesmo... mas esse mais abrirá um buraco no seu peito e um desejo de reparação sem limites. Pois, “o romantismo é uma coisa superestimada, o realismo é o que há”.

A distância é inevitável e Tessa e Hardin deixarão de existir? Me recusei a ter esse pensamento, mas quantas vezes fugimos daquilo que nos machuca? Quantas lembranças ficam adormecidas quando nada ao nosso redor nos faz lembrar do que passou? E quantas outras vezes as nossas piores lembranças nos embalam no sono que o corpo precisa? No fim, só Hemingway tem razão: “ Não se pode fugir de si mesmo indo de um lugar a outro”.

No entanto, para Tessa Seattle, Nova York, qualquer lugar interessa, desde que lá ela possa ser ela mesma e nada mais. Chegou o momento de ter amor próprio e caminhar seus passos, o que virá depois, bem... depois é depois...

E só Hardin foi capaz de ver o After desde o princípio quando mergulhou dentro de si mesmo e abandonou o preconceito, o orgulho e sua punição auto-imposta. Ele passou a amar quem era depois de Tessa e faria qualquer coisa (dentro dos limites e sem mentiras, dessa vez) para ter seu depois com ela. Mas será que ela aceitará facilmente seu pedido? O Poeta Drummond pode nos responder...

Amar... Verbo intransitivo...
(Carlos Drummond de Andrade)
Se os olhares se cruzarem e neste momento,
houver o mesmo brilho intenso entre eles, fique alerta:
pode ser a pessoa que você está esperando desde o dia em que nasceu.

Se o primeiro e o último pensamento do seu dia for essa pessoa ...

Se a vontade de ficar juntos chegar a apertar o coração, agradeça:
Deus te mandou um presente divino - o amor.

Se um dia tiverem que pedir perdão um ao outro por algum motivo e em troca
receber um abraço, um sorriso, um afago nos cabelos e os gestos valerem
mais que mil palavras, entregue-se: vocês foram feitos um para o outro ...

Se você conseguir, em pensamento,
sentir o cheiro da pessoa como se ela estivesse ali do seu lado ...

Se por algum motivo você estiver triste, se a vida te deu uma rasteira e a
outra pessoa sofrer o seu sofrimento, chorar as suas lágrimas e enxugá-las com ternura,
que coisa maravilhosa: você poderá contar com ela em qualquer momento de sua vida ...

Se você achar a pessoa maravilhosamente linda, mesmo estando ela de pijamas velhos,
chinelos de dedo e cabelos emaranhados ...

Se você não consegue trabalhar direito o dia todo,
ansioso pelo encontro que está marcado para a noite ...

Se você não consegue imaginar, de maneira nenhuma,
um futuro sem a pessoa ao seu lado ...
É o amor que chegou na sua vida. É uma dádiva.

Se você tiver a certeza que vai ver a outra envelhecendo e,
mesmo assim tiver a convicção que vai continuar sendo louco por ela ...




Se você preferir morrer, antes de ver a outra partindo ...
É o amor que chegou na sua vida !

Por isso, preste atenção nos sinais - não deixe que as loucuras do dia-a-dia
o deixem cego para a melhor coisa da vida:
muitas pessoas apaixonam-se muitas vezes na vida,
mas poucas amam ou encontram um amor verdadeiro.
Ou, às vezes encontram e, por não prestarem atenção nesses sinais,
deixam o amor passar, sem deixá-lo acontecer verdadeiramente.

Preste atenção nos sinais e não deixe que as loucuras do dia-a-dia
o deixem cego para a melhor coisa da vida:
O amor ...



Título: After – depois da promessa #5
Autora: Anna Todd
Editora: Paralela
Gênero: Romance
Ano: 2015
Páginas: 448

0 comentários :

Postar um comentário