Resenha: Entre a ruína e a paixão #3


Oi, Leitores!!!

Mais um livro da minha Maratona de Férias... E eu estou simplesmente alucinada com ele!!!

Esse é o terceiro livro da Série O Clube dos Canalhas da Sarah MacLean e conta a história do nosso canalha Temple. Eu estava super curiosa por esse livro, pois sempre fiquei curiosa em saber porque ele era um homem tão frio, tinha a certeza de que por debaixo de toda essa frieza existia um cara incrível e vou dizer, eu não errei na minha suposição.

O que amei mesmo, além da história, foi saber que a protagonista tem o meu nome <3

A vida de Temple mudou quando, há 12 anos atrás, ele foi encontrado em uma cama cheia de sangue e sem muitas lembranças do que havia acontecido. Ele foi acusado de assassinato e a moça era uma jovem que iria se casar com seu pai.

Banido da sociedade e totalmente perdido, Temple precisou aprender a viver sua nova vida.

Hoje Temple recuperou a sua fortuna e dono do maior cassino de Londres, a prova da sua inocência aparece quando ele nem mais pensava em prová-la. Mara Lowe procura Temple e deixa claro que está viva.

Mara Lowe procura Temple com o objetivo de ter a dívida do seu irmão Kil, com o cassino, perdoada.

Óbvio, por mais que não pensasse mais nisso, que Temple quer ver sua inocência provada, mas ele também acaba sendo possuído pelo desejo de vingança, ele quer acabar com a vida de Mara e ela terá que enfrentar todo o seu passado para recuperar o dinheiro.

Para que cada um possa atingir o seu objetivo, eles fazem um acordo, que sinceramente desde o início achei bem louco. Neste acordo, eles seriam envolvidos em uma teia de poder e sedução que os unirá mais do que esperam e farão com que eles descubram que nem sempre se alcança um objetivo da forma como eles esperam.

Os dois percebem como a experiência do passado mudou completamente a vida deles e por muitas vezes desejaram não terem se conhecido nessas circunstâncias e é aí que eles se veem em um grande conflito.

O que devem escolher? Revelar tudo que ocorreu no passado e assim terem um futuro fora da escuridão? Ou ceder a essa paixão que estão sentindo um pelo outro e continuarem arruinados?

Uma decisão extremamente difícil já que os dois estão cansados de se esconder, de não viverem uma vida completa e plena, mas ao mesmo tempo não viver essa paixão também é renegar uma vida assim.

Os dois personagens são muito bem construídos, duas personalidades fortes moldadas pela vida difícil que tiveram. Os dois são extremamente fortes, inteligentes, perspicazes e persistentes. mas também são cabeças dura... Até demais!!

A autora mais uma vez criou um enredo envolvente e fascinante, o mundo do Temple desperta a nossa curiosidade. Como lidar com um homem alto, tatuado (naquela época) e excelente lutador??? Por muitas vezes desejei ser a Mara da história, só para poder tocá-lo e vendo lutando!! rsrsrsrs

Me vi tão envolvida na história que nas últimas 100 páginas não conseguia de forma alguma largar o livro... Imaginem aí a hora que fui deitar? 04:30 da manhã, ainda bem que estava de férias....


Então, acho que nem preciso dizer o quanto que eu recomendo essa história né?

Lido em: Julho de 2016
Título: Entre a ruína e a paixão
Autora: Sarah MacLean
Editora: Gutenberg
Gênero: Romance 
Ano: 2016
Páginas: 304


Uma outra coisa que preciso dizer a vocês... A última frase deste livro é chocante, uma revelação sobre o canalha do próximo livro que é Chase... Até agora estou em choque, eu achava que era um personagem misterioso, mas vou dizer a vocês é mais do que isso....




Acompanhe aqui as resenhas dos outros livros


#2 Entre a culpa e o desejo

#3 Entre a ruína e a paixão





Encontre-me

Posts relacionados

2 comentários

  1. Quanta intensidade esses dois. Acho uma graça quando ele persegue a Mara e descobre o porquê de ter acordado todo sujo de sangue... coitado de ambos... Sem falar que os dois sofreram nesses anos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você... Essa é a história mais intensa na minha opinião!

      Excluir