Resenha: Cinco Dias




Olá, leitores!







Até que ponto você estaria disposto a se sacrificar por amor?Mara Nichols é uma advogada bem-sucedida, esposa e mãe dedicada. Ela está doente. Uma doença devastadora. Ela precisa colocar um fim ao sofrimento dos últimos tempos.Scott Coffman é um professor do ensino fundamental que precisa cuidar de um garoto de oito anos enquanto a mãe do menino cumpre pena na prisão.Mara e Scott têm apenas cinco dias para dizer adeus àqueles que amam. Essa talvez seja a maior prova de amor que poderiam dar a essas pessoas.








Este livro nos conta duas histórias que tem em comum um prazo de cinco dias para tomar rumos diferentes!

Mara é advogada, ama trabalhar, é casada com um médico e mãe adotiva de Lakshmi uma menina adorável, sua vida está completa como ela sempre sonhou até ela descobrir que tem a doença de Hunttington que é um distúrbio neurológico que afeta as habilidades mentais e motoras que não tem cura e diante disto ela estipula um prazo de 4 anos para viver intensamente e logo após irá cometer suicídio e agora falta apenas 5 dias para isso acontecer.


Registre tudo.



Scott é professor dedicado e aceita ficar com a guarda temporária de Curtis um garoto de 7 anos que a mãe foi presa e o irmão está entrando para faculdade e precisa se dedicar aos estudos. Scott e sua esposa estão tentando ter um bebê e Curtis contribuiu para este processo trazendo alegria e amor para o casal, mas em 5 dias terá que voltar para o seu antigo lar.
Você vai ser o amor da minha vida. Para o resto da minha vida.
Os capítulos são intercalados entre Mara e Scott e as historias se encontram em forma de amizade, achei o meio como isso ocorre muito interessante! ;-) só não gostei do final, porque sou contra o suicídio, por mais difícil que seja a vida ou o momento que a pessoa esteja passando.



       Sem perguntas, sem comentários, nem compaixão, nem julgamento.


Lido em: Novembro de 2016
Título: Cinco Dias
Autora: Julie Lawson Timmer
Editora: Novo Conceito
Gênero: Drama 
Ano: 2015
Páginas: 336



0 comentários :

Postar um comentário