Resenha: Confesse


Oi, Leitores!!!!

Sempre que pego um livro da CoHo para ler, eu já para e penso "preciso preparar o coração, certeza que teremos fortes emoções e não sei até que ponto estou preparada", mas uma coisa é certa, por mais que ache que eu estou preparada, eu nunca estou, porque sempre acho que ela não será capaz de me surpreender, mas eu tô mega errada, ela vai me surpreender sempre, ela arrasa demais!



Neste livro, vamos conhecer Auburn, que muito nova perdeu seu grande amor e reconstruir sua vida sem ele não foi nada fácil, mas Adam sempre estará com ela e essa certeza a faz seguir em frente. E seguir em frente não é fácil, simplesmente porque ela não pode errar, qualquer erro e tudo que ela já conseguiu será perdido.

Para conquistar seus objetivos, ela precisa de mais um emprego/grana extra e é assim que ela chegará no estúdio de artes de Owen e sua vida será sacudida com a atração inevitável que surgirá entre eles, e ela sentirá um baque grande, afinal tem muito tempo que ela não sente nada disso, sem contar que se aproximar dele é deixar o seu coração falar mais alto, correr riscos e a possibilidade de se perder.

Um livro cheio de confissões e elas nos levam diretamente para um turbilhão de sentimentos, notaremos claramente a fragilidade humana, mas ao mesmo tempo, toda a força do amor.

A cada página virada, a cada palavra lida, meu coração ia perdendo uma batida, foi um livro que me emocionou muito, acho que peguei os sentimentos deles dois para mim e vivi a história com eles, e o final me emocionou profundamente, mostrando que o amor vence, pode até demorar, mas sempre vencerá!
- Conte alguma coisa sobre você que mais ninguém sabe. - Sua voz se mistura às suas lágrimas enquanto ele olha para mim. - Algo que eu possa guardar comigo.
O que mais me chamou a atenção, além da história deles, foram as confissões e as imagens no final do livro. As confissões por elas serem reais, pessoas escreveram e enviaram elas para a autora.... E as imagens, por nelas estarem retratados alguns quadros do Owen (que são incríveis) e que foram produzidas por pedido da autora.

Esse é daqueles livros que a gente escreve a resenha mil vezes e em nenhum delas ficamos satisfeitos, justamente por ser uma história que mexe tanto com nossos sentimentos e emoções. A única coisa que posso pedir é que vocês leiam, se emocionem, se encantem e tirem as suas próprias conclusões. Para mim, esse com certeza será um dos livros favoritos do ano.

Lido em: Janeiro de 2018
Título: Confesse
Autora: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Gênero: Romance/Jovem Adulto
Ano: 2017
Páginas: 320




Encontre-me

Posts relacionados

2 comentários

  1. Oiee Mara ^^
    As confissões são incríveis e muito profundas, né? Eu também sou uma grande fã da CoHo, sempre acho (assim como você) que estou preparada para ler algum livro dela e que vou tirar de letra, mas aí ela vai, surpreende e ainda me emociona. Estou doida para ler as outras obras dela (que estão sendo lançadas no exterior)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  2. Sinceramente, achei as confissões a melhor parte do livro, são tão tocantes, profundas... Chorei com algumas. Achei o climax um pouco manjado, sabe? Eu imaginava que aquilo iria acontecer, mas ainda assim, a autora segue com uma escrita sensacional.

    ResponderExcluir