Resenha: Apenas Respire

Oi, Leitores!!


Volta e meia alguns livros chegam em nossas mãos e temos expectativa zero sobre eles, Apenas Respire está nessa categoria para mim. Entrei na brincadeira do livro viajante com algumas amigas e não imaginei que fosse encontrar uma história que mexeria tanto com meus sentimentos.
Vamos conhecer Sarah, uma cartunista, que coloca em suas tirinhas através da personagem Shill, o reflexo da sua própria vida, que sinceramente não anda das melhores.

Depois de lutar contra o câncer do seu marido, realizar tentativas frustradas de inseminação para terem um filho, ela descobre que todo seu amor e dedicação não foram suficientes, ele a está traindo e não é apenas uma desconfiança, ela viu e isso a despedaçou.

Numa tentativa de se livrar de toda aquela dor, Sarah decide voltar para a sua cidade natal e durante a viagem de retorno, enquanto dirigia, ela pensou em tudo que tem sido a sua vida e mesmo amando seu marido, ela também sabe que cometeu péssimas escolhas e agora está na hora de ser o que ela sempre quis.

Acompanhar a sua jornada no reencontro com ela mesmo, seus sonhos e reativação da esperança é algo singular, me emocionei por quase todo o livro, em muitas vezes me vi nela, relembrei de fatos sobre a minha própria vida e pude me orgulhar do caminho que construí, da mesma forma que me orgulhei da Sarah.

Uma história que qualquer uma de nós pode passar, cheia de sentimentos, lições, decepções, mas também muitas alegrias. A escrita da autora é super envolvente e a gente não tem vontade alguma de largar o livro.
Lido em: Fevereiro de 2018
Título: Apenas Respire
Autora: Susan Wiggs
Editora: Harlequin
Gênero: Romance
Ano: 2011
Páginas: 476


Encontre-me

Posts relacionados

7 comentários

  1. Olá!
    Não conhecia o livro ainda, mas parece ser uma história belíssima com excelentes reflexões. Vou deixar anotado aqui para conferir depois. Parabéns pela resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    As vezes, por mais que façamos coisas para outras pessoas, não recebemos o resultado merecido. Isso aconteceu com Sarah e comigo também.
    ADorei a resenha e gostei muito do livro
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu também não daria nada por esse livro e fui surpreendida, que bacana isso! Eu já conhecia essa capa mas nao fazia ideia do que a história se tratava, adorei sua resenha.

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia o livro, mas fiquei curiosa para acompanhar a jornada de Sarah, acredito que é bem reflexiva. Então vamos anotar a dica e saber mais sobre esse projeto de livro viajante.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Mara.

    Eu não conhecia este livro e sabendo através da sua resenha que a história é cheia de sentimentos e lições eu vou querer conferir melhor ela. Acho que sempre vale a pena ler histórias que envolve situações que tem risco de acontecer na realidade. Dica anotada.

    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Oi Mara,
    Já faz alguns anos que tentei o projeto viajante literário, ele não deu certo e meu livro se perdeu no mundo, era meu preferido.
    Que linda a história, tão gostoso quando um livro nos surpreende de forma positiva, fiquei encantada com o enredo, gosto de livros com superação e personagens que amadurecem e nos ensinam algo.
    Dica anotada.

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Gosto dessas histórias em que a protagonista se redescobre, reaprender a amar a si mesma. NO momento estou mais na vice de livros mais alegres e tal, mas esse livro parece ser ótimo. Beijos!

    ResponderExcluir