Resenha: A Garota no Gelo

Oi, Leitores!!

Eu sou daquelas pessoas que muitas vezes começa a ler livros da série fora da ordem e isso acontece principalmente quando não existe uma certa continuidade... 

A Garota no Gelo é o primeiro livro da série da Detetive Erika Foster, mas não foi o primeiro que eu li... A continuidade que existe nele é com relação a vida da detetive, que não é bem o foco principal do autor, ler fora da ordem não afeta a leitura, mas ao mesmo tempo que sou bagunceira, sou metódica, então se você ainda não leu nenhum dos livros, faça a leitura na ordem bonitinha.
Esse foi o primeiro caso da Erika, depois de um bom tempo afastado da polícia, e ele não será nada simples. Além de ter quer descobrir como o corpo daquela garota foi encontrado debaixo de uma grossa placa de gelo, ela terá que lidar com a pressão da sociedade, já que a família da garota é extremamente influente.

Nada será simples e fácil neste caso, mas Erika é persistente e seguirá seu instinto por muitas vezes, o que pode parecer estranho, já que se precisa de provas para seguir a investigação por determinado caminho. 

Apesar de parecer ter uma vida perfeita, com a investigação ela começa a perceber que a vida da vítima tinha mais problemas do que as pessoas imaginavam, investigando e ligando fatos, parece que a sua morte tem ligação com outros crimes, três prostitutas que foram encontradas em condições similares a sua, mas que não foram solucionados até então.

A história em alguns momentos terá a narração do assassino, porém não saberemos quem ele é e quais as suas motivações, ele irá afetar a investigação, tentando eliminar pessoas e provas que podem direcionar a detetive ao seu encontro. Mas enquanto achamos que ele está longe e inalcançável, ele mostra que está mais perto do que imaginamos.

O autor tem uma escrita incrível, a forma como ele desenvolve os casos nos deixa cheios de curiosidade e chega o momento em que começamos a fazer várias suposições e levantamos milhares de possibilidades, mas só iremos descobrir o real responsável junto com a detetive e digo a vocês é de cair o queixo, fui extremamente surpreendida. 

Adoro a escrita do autor e super recomendo a leitura dos seus livros. No caso deste, li de uma forma diferente, pois na verdade, utilizei o app do Ubook e tive a minha primeira experiência com o áudio book, achei que teria dificuldades, mas percebi que a ferramenta é incrível, pois ele traz entonações nos permitindo sentir as emoções mais facilmente, conseguimos diferenciar quando é a narração ou quando é o diálogo entre os personagens, uma ferramenta que eu super recomendo.

Lido em: Julho de 2018
Título: A Garota no Gelo
Autora: Robert Bryndza
Editora: Gutenberg
Gênero: Crime/Suspense e Mistério
Ano: 2016
Páginas: 336
Adicione no Skoob | Compre: Amazon

Encontre-me

Posts relacionados

8 comentários

  1. Ainda não li esse livro, mas morro de vontade porque eu sou simplesmente apaixonada por livros com essa temática!
    Suas palavras me fizeram ter Ainda mais vontade de ler.

    Parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  2. Eu morro de vontade de ter uma experiência com audiobook, acho que vai ser totalmente diferente e vou descobrir um pequeno tesouro hahaha só nunca achei um titulo que me desse vontade de ouvir sobre. Eu adoro essa capa e acho a premissa bem interessante e fico feliz que tenha sido uma leitura agradável para você;

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho muita vontade de ler esse livro, sua resenha me deixou mais curiosa ainda. Você falou de áudio book e mds não me vejo conseguindo ler o livro assim, mas achei legal sua experiencia, e espero conseguir ter.

    Beijos,
    Letícia do Garota Perdida nos Livros

    ResponderExcluir
  4. Oi Mara.

    Adorei sua resenha, pois estou bastante interessada na história e tem poucos dias que descobri que tem ele em audiobook. Mas como eu já tenho ele em digital, acho que vou lê-lo no Kindle mesmo. Agora não sabia que a história tem narração do assassino. Aumentou minha curiosidade. Vou tentar ler em Setembro. Parabéns pela resenha.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Mara.
    Não li nenhum livro desse autor, não é um gênero que costumo ler. Mas achei legal saber um pouco da sua experiência com o audiobook, eu gosto bastante mas nunca usei o Ubook.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  6. Nossa a tempos não leio um suspense, apesar de ter alguns na estante. Sobre esse que vc leu/ouviu ainda não li nenhum do autor, mas tenho conferido opiniões positivas.
    Parabéns pela nova experiência e por conhecer mais uma história.
    Valeu pelo incentivo.

    ResponderExcluir
  7. Olá Mara, tudo bem?
    Eu tive a oportunidade de ler esse livro pelo ubook também e gostei muito dele, principalmente, por conta da perspectiva do assassino e de ele se mostrar mais perto do que esperávamos, mas achei o livro um tanto quanto previsível, sabe? No entanto, a escrita do Robert é maravilhosa e isso fica comprovado pela velocidade com que nos envolvemos com os personagens e lemos o livro.
    Adorei suas impressões!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oii Mara, vou lhe confessar que eu não gosto de séries... Mas eu amo um suspense. Acrescentei esse na minha listinha e pesquisei sobre toda a série. Estou encantada! OBRIGADA pela dica!

    ResponderExcluir