Resenha: A Garota Desaparecida

Oi, Leitores!!!

Depois que li Bem atrás de você da mesma autora, curti demais a escrita dela e quando a Gutenberg anunciou mais esse lançamento, foi impossível não querer ler ele. O livro também foi minha escolha para o #DL2019IgsIrmãos para o tema "um suspense".
Antes de qualquer coisa, preciso dizer: esse livro é bom demais (mas você pode substituir por um palavrão que você usa quando algo é muito bom!) e é daqueles que se você vacilar vai te deixar com uma ressaca literária, comigo ele tirou o sono, fiquei até quase três horas da manhã pensando em todo o desenrolar da história e no que as pessoas são capazes.

Flora foi sequestrada há 7 anos e permaneceu no poder do seu sequestrador por 472 dias, óbvio que ela nunca mais voltou a ser quem era e com ela vamos entender minimamente tudo o que somos capazes de fazer para sobreviver.

Após tudo o que aconteceu, ela até tentou voltar para uma vida normal, mas acredito eu que a única normalidade que existe é o amor de sua mãe por ela, porém seu irmão se afastou, para ele essa nova Flora é difícil de lidar. Ela estudou e se aperfeiçoou em técnicas de defesa pessoal e métodos de sobrevivência, além disso ficou aficionada em casos de mulheres desaparecidas.

Flora se envolveu em uma chamada policial, que eu nem vou contar a vocês, eu fiquei chocada com a destreza, habilidade e controle emocional que ela teve. Quando a detetive D.D. Warren chega ao local e após algumas apurações, percebe que esta situação liga Flora a mais três pessoas e o inesperado acontece, Flora desaparece de novo e a pergunta inicial que fica é foi por vontade própria ou ela foi sequestrada mais uma vez?  

O livro tem três narrativas: o que aconteceu com Flora há 7 anos durante o seu sequestro, o que está acontecendo com ela agora e a investigação conduzida pela detetive D.D. e isso nos traz uma perspectiva diferenciada da história, mas por mais que tivesse tantas informações, ao mesmo tempo, a minha sensação é de que não tinha conhecimento de nada.

Durante a leitura, principalmente na narrativa dos 472 dias de sequestro da Flora, eu precisava interromper a leitura para respirar e absorver tudo o que ela passou. Para mim foi surreal visualizar tudo o que ela passou e o tempo inteiro pensava "tem como superar algo assim?" ou "será que sobreviver a tudo isso foi realmente algo vantajoso?" ou "quantas sequelas existem em Flora hoje?".

Uma história diferente de todo e qualquer livro policial que já li, que me envolveu e surpreendeu, que me arrancou uma lágrima aqui e outra ali, pois me coloquei no lugar dela e neste momento fiz uma oração por todas as vítimas de crimes similares a esse e suas famílias. Além disso, temos uma detetive que mesmo com suas limitações, não teve medo de encarar o mistério que ela tinha para desvendar, que nos mostra a sua fortaleza, mas também as suas fragilidades.

Então, se você é fã de livros regados a muito mistério e suspense, não pode deixar de ler este livro que defino como perfeito!

A única coisa que me deixa triste é o fato de que os livros da Lisa Gardner não foram trazidos para o Brasil na sua ordem cronológica. Uma outra editora já havia lançado alguns livros dela e agora a Gutenberg está nos proporcionando conhecer mais dela. Espero que novos livros cheguem aqui para nós!
Sete anos atrás, a estudante Flora passou 472 dias vivendo um pesadelo. Após ter sido sequestrada durante as férias de primavera, ela descobriu até onde o ser humano é capaz de ir para sobreviver.
Depois de resistir milagrosamente a tamanha tortura, viveu os últimos cinco anos tentando voltar a ter uma vida normal. O amor de sua mãe permanece o mesmo, mas outras coisas mudaram em sua rotina: seu irmão tem medo da pessoa que Flora se tornou, e no quarto dela há uma parede coberta com fotos de outras garotas que nunca voltaram para casa.
Quando a detetive D. D. Warren é convocada para a cena de um crime, descobre que Flora está envolvida com outros três suspeitos desde seu retorno à sociedade. Mas a garota desaparece novamente, e D. D se dá conta de que um predador sinistro está a solta e, desta vez, determinado a fazer com que Flora Dane nunca mais escape.
Lido em: Abril de 2019
Título: A Garota Desaparecida - Detetive D.D. Warren # 8
Autora: Lisa Gardner
Editora: Gutenberg
Gênero: Crime/Suspense e Mistério
Ano: 2019
Páginas: 354
Adicione no Skoob | Compre: Amazon
*Livro cedido pela Editora em parceria*

Encontre-me

Posts relacionados

5 comentários

  1. Não gosto muito de mistério policial, mas quando há indicações, eu adiciono a minha lista. A maioria dos que já li me decepcionaram, mas este é bem interessante. Fiquei animado com a resenha. Espero que este abra novas portas para o gênero em minhas leituras.

    ResponderExcluir
  2. Sou muito fã de livros do gênero, fiquei bem curiosa para ler a obra, espero ter a oportunidade o quanto antes!

    ResponderExcluir
  3. Em outras palavras: que livro foda! Ainda não li nada da autora e é a primeira resenha que leio deste livro, e confesso: AMEI DEMAIS! Parece aquela premissa que prende o leitor e traz inúmeros questionamentos, né? Já quero.

    Beijos,
    www.psamoleitura.com

    ResponderExcluir
  4. Pois é, todos falam mega bem dos livros dessa autora. A NC lançou alguns também fora de ordem, mas dizem que dá para ler sem problema. Enfim confesso que evito temáticas assim, pelo menos nos últimos anos pq ando com uns problemas na família que têm me sugado muito emocionalmente, então tento ler algo mais leve pra relaxar, mas a dica está anotada pro futuro.
    Beijos e parabéns pela leitura, resenha e valeu pela dica.

    ResponderExcluir
  5. Oi Mara.

    Estou com bastante vontade de ler este livro, mas ainda não tinha lido nenhuma resenha e a sua opinião aumentou minha expectativa. Estou bem curiosa sobre o mistério em torno da Flora. Obrigada pela dica.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir